Se não bastasse a saudade de Yasmin Macedo e ter que esperar pelo resultado das investigações sobre a morte dela, os familiares da jovem estão lidando com outra situação desagradável. A influencer morreu durante um passeio de lancha. Dezoito pessoas estavam na embarcação. O caso é investigado pela Divisão de Homicídios.

Agora, criminosos estão usando as fotos e o nome de Yasmin Macedo para pedir dinheiro em aplicativos de mensagens.

Na semana passada, a própria mãe de Yasmin saía de uma consulta médica quando recebeu uma mensagem no Whatsapp. O golpista tinha uma foto da jovem no perfil, mas um número diferente.

"Oi, mãe. Você está ocupada?", dizia a mensagem. Eliene Fontes avisou os familiares, que perceberam que se tratava de um golpe.

Caso Yasmin: advogado cita crimes após reconstituição

Os suspeitos pediram dinheiro. "Eu acordei com dois amigos dizendo que tinham sido procurados por um perfil com a foto de Yasmin, também pedindo dinheiro e os valores são bem parecidos: variam de 780 a 900 reais", ressaltou Eliene.

"Não é verdade! Nós não estamos pedindo dinheiro", frisou a mãe, que pede para quem receber mensagens com a foto de Yasmin no perfil, que denuncie o caso na polícia.

E mais:

Dono da lancha tenta pela 3ª vez e tem habeas corpus negado

Vídeo: reconstituição do Caso Yasmin segue pelo segundo dia

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS