A tão aguardada manifestação cultural está de volta de forma presencial para a felicidade de muitos. Após dois anos sendo realizada de forma remota, em virtude das restrições impostas pela pandemia da Covid-19, a prefeitura de Santarém confirmou: a edição 2022 do Festival do Çairé e do Festival dos Botos está confirmada entre os dias 15 e 19 de setembro.

O anúncio foi comunicado nesta terça-feira (3) pelas autoridades municipais, coordenadores do evento, além dos próprios presidentes dos “botos” que dão vida à festa. A expectativa, segundo os envolvidos na reunião, é retomar o turismo na cidade santarena e recuperar a economia.

A festa do Çairé é a manifestação cultural mais antiga da Amazônia. Realizada há mais de 300 anos, é responsável por reunir cerca de 150 mil pessoas durante cinco dias no distrito de Alter do Chão, distante cerca de 37 km do centro de Santarém.

Festival dos Botos

Durante a programação da Festa do Çairé é realizado o Festival dos Botos, quando os botos Cor de Rosa e Tucuxi se enfrentam por meio de apresentações temáticas no Lago dos Botos. Eles encenam a “Lenda do Cetáceo”, que se transforma num homem bonito para seduzir e engravidar as mulheres.

LEIA TAMBÉM: Alter do Chão é patrimônio material e imaterial do Pará

As duas agremiações são avaliadas em 15 itens, são exibidos em apresentações como parte do enredo temático apresentado no Lago dos Botos.

“As expectativas são as melhores possíveis. O povo de Alter do Chão e de Santarém está ansioso. Já são dois anos sem Çairé e esperamos que esse ano realmente nós façamos o melhor de todos os tempos”, disse animado o vice-presidente do Tucuxi, Paulo Genaro.

Economia

Além de ser o patrimônio cultural de Santarém, o Çairé tem grande importância econômica, responsável por movimentar cerca de R$ 15 milhões por ano em que o evento é promovido. A divulgação antecipada das datas também colabora para que os visitantes e turistas possam planejar suas viagens.

“Decidimos fazer o anúncio logo, principalmente por causa dos turistas que precisam comprar suas passagens e fazer suas reservas de hospedagem antecipadamente. A nossa expectativa é que Santarém possa ter um Çairé 2022 maravilhoso, como nunca antes feito”, celebrou o prefeito de Santarém, Nélio Aguiar.

Além de ser patrimônio cultural de Santarém, o Çairé tem grande importância econômica Foto: Divulgação

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS