O saque extraordinário do FGTS foi liberado para todos os trabalhadores com saldo em contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, entre 20 de abril e 15 de junho.

Caixa vai liberar microcrédito de até R$ 3 mil em junho

Os valores foram liberados de acordo com um calendário da Caixa Econômica Federal que seguia o mês de nascimento dos trabalhadores, que podem sacar até R$1 mil. No entanto, algumas pessoas não tiraram o dinheiro do saque extraordinário do FGTS dentro do calendário.

Para quem não resgatou os recursos, ainda é possível fazer o saque extraordinário do FGTS até o dia 15 de dezembro.

FGTS vai distribuir lucro em agosto; veja se tem direito

Como sacar o FGTS extraordinário?

Para isso , basta acessar o aplicativo Caixa Tem, inserir seus dados e resgatar o saque extraordinário do FGTS na conta poupança social digital criada pela Caixa.

Pelo Caixa Tem, é possível transferir o dinheiro para outra conta da Caixa ou de outros bancos. Também é possível fazer pagamentos, compras com QR Code e saque em dinheiro.

Para quem não conseguiu acessar a conta pelo Caixa Tem, provavelmente a Caixa não conseguiu criar sua conta automaticamente, por causa da falta de dados. Mas o saque extraordinário do FGTS ainda pode ser feito: será preciso fazer a solicitação no aplicativo do FGTS.

FGTS vai distribuir R$ 12,3 bilhões. Veja quem recebe 

O trabalhador deve entrar no menu "saque extraordinário" do aplicativo do FGTS, confirmar ou complementar os dados cadastrais e clicar em "solicitar saque". Não é necessário ir a uma agência da Caixa.

Caso os recursos não sejam movimentados até 15 de dezembro de 2022, o dinheiro irá retornar à conta do trabalhador no FGTS. 

Saque extraordinário do FGTS está disponível até dezembro Foto: Reprodução

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS