Quando se trata da promoção do bem-estar, a redução da gordura corporal, sobretudo a gordura localizada, está entre os objetivos mais demandados. Entre os métodos possíveis para solucionar o problema está um procedimento não invasivo que apresenta bons resultados desde a primeira aplicação, a Criolipólise.

O biomédico, esteticista e idealizador da Equilibrium Estética Avançada, Daniel Sales, explica que a criolipólise é um método não invasivo destinado à seletiva destruição de gordura que surge como opção para o tratamento de gordura localizada.

“A técnica utiliza alternância de temperatura calor/frio/calor para eliminar, em apenas uma sessão, até 45% de gordura da área tratada”, aponta, ao explicar que a indicação da técnica é voltada para a gordura localizada e não para a redução de peso, por exemplo. “O objetivo da criolipólise é restrito à redução de gordura localizada. Pode ser realizada no abdômen, flancos, ‘papada’ e outras regiões”.

Colocado sobre a pele da região escolhida para receber a aplicação, o cabeçote do aparelho utilizado especificamente para a metodologia promove uma sucção, a vácuo, da pele e gordura da área. Após esse primeiro momento, o aparelho promove o aquecimento e posterior resfriamento gradativo da região até que alcance uma temperatura capaz de danificar as células de gordura, sabidamente mais sensíveis ao frio, sem prejudicar a pele – já que uma manta protetora é colocada entre o aparelho e a pele do paciente para que o procedimento seja realizado com segurança.

Dessa forma, ao longo de um período após a aplicação, as células afetadas pelo ‘congelamento’ são eliminadas naturalmente pelo organismo, não retornando mais.

AVALIAÇÃO

Daniel Sales explica que, antes do procedimento, o paciente deve passar por uma avaliação estética que irá apontar a indicação do tratamento.

“Qualquer pessoa que passe por uma avaliação estética, onde será realizada a adipometria e for constatado percentual de gordura acima de 2 centímetros, poderá realizar uma sessão de criolipólise”, esclarece o biomédico e esteticista.

Como funciona?

Com um aparelho específico, a área do corpo escolhida para receber a aplicação é aquecida e posteriormente resfriada até uma temperatura que promova a destruição das células de gordura. Uma vez congeladas, as células de gordura danificadas são expelidas naturalmente pelo corpo.

Onde pode ser aplicada? Abdômen, flancos, ‘papada’, cintura, parte interior da coxa, culote, braço.

Resultados?

Em apenas uma sessão é capaz de eliminar até 45% de gordura da área tratada. Ela indicada para a redução da gordura localizada.

Daniel Sales aplica técnica que pode ser realizada no abdômen, flancos, ‘papada’ e outras regiões Foto: Wagner Santana / Diário do Pará

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS